Usar o gravador de macros no Microsoft Excel - Exceldriven

Usar o gravador de macros no Microsoft Excel

Queres aprender a utilizar o gravador de macros no Microsoft Excel?

A gravação de macros é uma ferramenta bastante útil para criar breves rotinas e automatizar alguns processos no Excel. Tudo isto, sem a necessidade de recurso à programação em VBA. O princípio base por trás do gravador de macros é o de ser possível criar uma Macro (rotina) enquanto trabalha no Microsoft Excel. Ou seja, através do gravador de macros, é possível criar rotinas seguindo um processo de 3 passos:

  1. Ativar o gravador de macros.
  2. Executar manualmente as ações pretendidas.
  3. Desligar o gravador de macros.

​​​​​​​​​​​​criar breves rotinas e automatizar alguns processos no Excel​​​​​​​


Faça aqui o download dos ficheiros de apoio:


Enquanto o utilizador executa manualmente as ações pretendidas, o gravador de macros converte as ações executadas em código VBA, e cria a macro para depois ser executada as vezes que o utilizador pretender.

A utilização do gravador de macros confere vários benefícios ao utilizador. Desde já a possibilidade de automatizar pequenas rotinas sem que o utilizador necessite de saber programar em VBA. Mesmo para programadores experientes, a ferramenta permite gerar um conjunto de código base para algumas rotinas que, posteriormente, o utilizador pode aproveitar para compilar o restante código (para executar uma rotina ou programa mais complexo).

 

Dicas para utilizar o gravador de macros

O gravador de macros grava virtualmente todas as ações do utilizador, assim para que a ferramenta seja eficiente é necessário que o utilizador planeie bem as suas ações, pois a ferramenta grava os erros, os movimentos desnecessários e indicações incorretas. Todos estes “erros” são sempre executados na rotina e refletem-se no código gerado. Assim o objetivo do utilizador, quando grava a macro deverá ser executar o mínimo de ações necessárias, gerando menos código, assegurando que os seus movimentos na interface são precisos e exatos, prevenindo movimentos desnecessários e se possível evitando erros.

 

Utilizar referências Absolutas e Relativas

Por defeito a gravação de macros utiliza referências absolutas, o que significa que quando o utilizador seleciona uma determinada célula o gravador de macro regista explicitamente essa célula ou conjunto de células. Estas referências não mudam, da mesma forma que se verifica na utilização de uma fórmula. Macros que trabalham com referências absolutas referem-se sempre às mesmas células.

Tal como na utilização de fórmulas, existe uma alternativa às referências absolutas, que é a utilização de referências relativas na gravação de macro.

Utilizar referências Absolutas e Relativas

Com referências relativas, o gravador de macros guarda a informação das células em que o utilizador trabalha referenciando-se à célula como célula ativa. A célula ativa funciona como ponto de partida para a gravação e o código gerado “move” um número específico de linhas e colunas desde a célula ativa, até à nova referencia de célula.

 

Processo de gravação de Macro

Passo 1: Ativar o gravador de macros

Passo 2: Executar manualmente as ações pretendidas

Após iniciar a gravação da macro, a caixa de diálogo permite escolher o nome da macro, definir uma tecla de atalho para executar a macro, uma descrição para a macro e o local onde a macro é guardada. Relativamente ao local, a macro pode ser guardada no livro atual, num novo livro, ou num livro especial denominado “livro pessoal de macros”. Este livro permite armazenar macros que podem ser executadas em qualquer livro aberto no Microsoft Excel.

Passo 1: Ativar o gravador de macros

 

Passo 2: Executar manualmente as ações pretendidas

No 2º passo iniciamos a execução das ações, na qual vamos ativar a opção de utilizar referências relativas.​​​​​​Passo 2: Executar manualmente as ações pretendidas

E de seguida vamos executar a ação pretendida que será a soma das parcelas do 1º Trimestre.

Passo 2: Executar manualmente as ações pretendidas

Passo 3: Desligar o gravador de macros

Após terminar a execução ação desligamos o gravador de macros.​​​​​​​Passo 3: Desligar o gravador de macros

 

Executar a Macro

A macro pode ser executada de várias formas, incluindo por exemplo a utilização de um botão ou imagem para a sua execução. No exemplo vamos ver o método mais tradicional de executar a macro que é apenas pressionar o botão de macros para correr a macro na lista de macros disponível.​​​​​​​Executar a Macro

Selecionamos a macro pretendida e pressionamos o botão executar:

Selecionamos a macro pretendida e pressionamos o botão executar:Executar a Macro

O processo pode ser repetido para cada uma das colunas referentes ao trimestre.

 

Espero que todo o processo tenha sido claro! Se preferires, confere o vídeo tutorial que publicámos recentemente. Aprende como criar as tuas próprias Macros no Microsoft Excel... e não só!  Ensino, também, algumas dicas em código para aproveitar a rotina gravada r gerar processos bem mais interessante. Alguma dúvida envia-nos a tua mensagem... ficamos à tua espera!

 


Sabe personalizar a interface do Microsoft Excel?!

Sabe personalizar a interface do Microsoft Excel?!

Transforme o seu ambiente de trabalho da forma mais prática possível, e trate dos seus dados com a maior agilidade e facilidade...

Continuar a ler...

Função UNIQUE - Diga adeus ao comando “Remover Duplicados”!

Função UNIQUE - Diga adeus ao comando “Remover Duplicados”!

A função UNIQUE permite-lhe criar listas pendentes através da validação de dados, e utilizar os resultados para utilizar agregações em função os mesmos.

Continuar a ler...

 

Pesquisar


Consulte aqui os últimos artigos publicados no nosso blog!

Aceda aqui ao nosso blog!


Consulte aqui os últimos vídeos publicados no nosso canal do Youtube!

Aceda aqui ao nosso arquivo!

Assista, ouça, pratique e aprenda!

Na nossa oferta, disponibilizamos cursos intensivos que lhe dão um conhecimento alargado dos programas, dependendo dos seus objetivos e nível de conhecimento. Para além disso, dispomos também de cursos on-demand que tem, entre outros aspetos, têm como principal objetivo ajudá-lo a resolver problemas específicos do dia-a-dia, sem ter necessidade de assistir a um curso completo.

Aprenda a maximizar o seu tempo e aumente a sua produtividade com a ferramenta mais utilizada em todo o mundo – o Microsoft Excel! Conheça a nossa oferta formação especializada e Ferramentas de Business Intelligence! Vamos lá?!

Microsoft Excel

Fique a conhecer as principais funcionalidades do Microsoft Excel, e ser autónomo no seu trabalho, temos um conjunto de cursos que o podem ajudar a chegar ao seu objetivo!

Veja aqui aos cursos disponíveis!

Business Intelligence

Passe ao próximo nível e conheça a nossa oferta de cursos especializados utilizando as potencialidades de Business Intelligence do Microsoft Excel, ou utilizando o Power Bi Desktop.

Veja aqui os cursos disponíveis!

VBA (Visual Basic for Applications)

Estenda as capacidades do Microsoft Excel, e controle quase a totalidade dos aspetos da aplicação, utilizando o VBA! Uma linguagem de programação à disposição de todos os utilizadores.

Veja aqui os cursos disponíveis!

Subscreva as nossas notícias e novidades!

Tem uma dúvida que gostava de ver esclarecida?

Entre em contacto connosco.

Pretendemos ajudá-lo a trabalhar, de forma eficiente, o Microsoft Excel e as Ferramentas Power Platform (Power BI, Power Apps e Power Automate). O que pretendemos é que possa economizar tempo e aumentar a sua produtividade.

A nossa solução... uma oferta formativa de qualidade e em diversos modelos formativos, com conteúdos práticos, disruptivos e inovadores! Consulte aqui todas as modalidades, ou contacte-nos através do email geral@exceldriven.com. Até breve!